Quando falamos sobre sonhos, estamos dizendo respeito a um lugar onde queremos chegar, e para isso, precisamos nos comportar em função desse objetivo final e passar por uma história que irá mudar e refinar o nosso comportamento nesse sentido.

O ponto é que essa "história" nem sempre é fácil, muito pelo contrário, diversos acontecimentos e situações ocorrem no caminho para os nossos sonhos.

Aqui vai uma máxima: nosso comportamento é afetado pelo meio e por suas consequências. Sendo assim, quantas vezes determinadas variáveis do meio ou consequências do nosso comportamento nos levaram a mudar de direção e, muitas vezes, nos afastar dos nossos sonhos?


Aquela aprovação que você ainda não recebeu, aquela frustração, ou mesmo a demora e o sentimento de ansiedade por não ver o seu sonho "acontecer"... Vamos, então, pensar em como operacionalizar os nossos sonhos?! Isso mesmo, torná-los menos distantes e mais palpáveis para nós.

As estratégias para a realização dos sonhos

Giovanna Xavier. Psicóloga Mestre, bailarina e professora de dança do ventre. giovannaxavierpsicologa@hotmail.com \ +55 67 981765572

Algumas estratégias podem nos auxiliar a não desistir dos nossos sonhos e lidar melhor com diversas variáveis que podem "atrapalhar" essa caminhada. Aqui vão algumas:

- REFORCE O SEU PRÓPRIO COMPORTAMENTO. Persistência ou determinação, o que seria isso? Esse padrão comportamental nada mais é do que continuar agindo em função do seu sonho, apesar das consequências, que às vezes podem ser reforçadoras, outras não. Uma ótima dica para você manter comportamentos de persistência, é você buscar se auto reforçar diariamente. Ou seja, quando estiver treinando para alcançar um sonho, cerque-se de estímulos que motivem e consequenciem positivamente o seu comportamento. Isso varia de pessoa para pessoa. Encontre o que te motiva.

- APRENDA COM AS CONSEQUÊNCIAS DO SEU COMPORTAMENTO. Busque "extrair" o aprendizado de tudo, para que não se desestimule facilmente e avance em direção ao seu sonho. O que pode ser mudado ou refinado nas suas ações? Observe, escute, e vá em frente!

- DIVIDA SEU SONHO EM PEQUENAS METAS. Torne o seu sonho possível. Divida seu objetivo final em pequenos comportamentos que pode apresentar a cada dia, semana e mês.

- AVALIE SUAS EMOÇÕES. As estratégias anteriores contribuem para que sentimentos e emoções como de ansiedade e desmotivação sejam reduzidas, porém, caso elas venham a "aparecer", identifique-as e faça uma avaliação racional sobre as mesmas.

- ENCONTRE A MENSAGEM/PROPÓSITO POR TRÁS DO SEU SONHO. Não há nada mais motivador do que você fazer algo que tem significado, em que você acredita, que apresenta uma função maior do que "aquilo em si". Busque encontrar a sua mensagem, o seu propósito, e os seus sonhos terão mais sentido e estímulo para serem alcançados.

Por fim... nunca deixe de sonhar!

Espero que essas pequenas estratégias possam te auxiliar a trilhar o caminho em direção aos seus sonhos de forma mais saudável e efetiva.

Referências:

MOREIRA, Marcio Borges; MEDEIROS, Carlos Augusto. Princípios básicos de análise do comportamento. Porto Alegre: Artmed, 2007.